Temer corta R$ 200 milhões em publicidade e complementa R$2 bi para saúde e educação

O Palácio do Planalto anunciou um corte de mais de R$ 200 milhões com gastos em publicidade para o ano de 2018, ano de eleição. O corte foi iniciativa da Presidência da República em atendimento a uma proposta do deputado Cacá Leão (PP-BA) contida em seu relatório do Orçamento de 2018, apresentado na última semana à CMO (Comissão Mista de Orçamento).

Também na última semana, o presidente Michel Temer editou uma medida provisória que libera 2 bilhões de reais a serem aplicados nas áreas de educação e saúde em municípios com dificuldades financeiras.

Os recursos anunciados pelo presidente já começaram a ser repassados a municípios em dificuldades financeiras, e a liberação foi feita por meio da medida provisória já publicada em edição extra do Diário Oficial da União.

De acordo com a MP, divulgada pelo Palácio do Planalto, a distribuição dos recursos se dará pelos mesmos critérios do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Os recursos irão para as prefeituras com maiores dificuldades financeiras, o que deve ser definido posteriormente.

A medida ainda exige que as cidades apliquem os recursos extras nas áreas de educação e saúde, o que inclui o pagamento de salários de profissionais dessas áreas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *