PCdoB retirou do povo brasileiro a sua capacidade de interpretação política, cívica e moral

A importância da Educação Moral e Cívica e OSPB no currículo escolar

As disciplinas de Educação Moral e Cívica (EMC), Organização Social e Política do Brasil (OSPB), e os Estudos dos Problemas Brasileiros (EPB), foram retiradas do currículo escolar por que, segundo seus opositores, serviam aos interesses dos militares. Foram disciplinas criadas pelo regime ditatorial, um regime de ditadura, um regime de exceção. Em seu lugar foi criada a disciplina de Ciências Humanas e Sociais (CHS), que deveria substituir tais conhecimentos de um modo resumido e democrático.

O que tudo isto tem de verdade e de mentira

Passado algum tempo, vamos ver quem pediu isto e por que fez isto. Vamos começar com um documento, o oficial. Link do Projeto de Lei que revogou o Decreto 869/69 que instituía as disciplinas de OSPB e EMC no currículo educacional nacional. PL  2310/1991. Quem deu início a tudo isto? O deputado federal do PCdoB, Jório de Barros Carneiro, do Estado do Espírito Santo, ele foi o autor do Projeto de Lei 2310/91.

Sobre o deputado Jório de Barros não vi nada de irregular ou ilegal, apenas que já tendo aposentadoria de parlamentar federal, parece estranho ser comunista, pelo valor de sua aposentadoria (mais de 33 mil reais), mas isto é meramente uma contradição filosófica e não é ilegal agir assim de fato.

O Relator do Projeto de Lei na Comissão de Educação foi o deputado federal Fábio Raunheitti (PTB) do Rio de Janeiro. Este sim, teve histórico de corrupção, foi cassado na CPI do Orçamento, tendo respondido por processos de peculato.  Para defender seu parecer escreveu: “A experiência de muitos anos tem demonstrado que aquela disciplina, seja pelo seu caráter compulsório, seja pela forma autoritária com que foi determinada e controlada, seja pelo seu conteúdo ideologizante, não conseguiu senão rejeição por parte dos alunos de todos os graus de ensino. Nada mais necessário senão suprimi-la dos currículos escolares,…”  .

Na realidade, o que ocorreu de fato foi que um corrupto já comprovado, fez um parecer favorável a um Projeto ideológico que nada mais era do revanchista e discriminatório e que retirava do povo brasileiro a sua capacidade de interpretação dos erros políticos nacionais.

Outro engodo é dizer que estas disciplinas foram criadas pelos militares, na verdade, todas elas já existiam anteriormente ao período que os militares chamam de Intervenção Militar e que os seus opositores chamam de Golpe Militar.

O que os militares fizeram de fato, foi simplesmente nacionalizar o ensino destas disciplinas, oportunizando que cada cidadão tivesse amplo conhecimento de seus direitos e deveres sociais, inspirando civismo e nacionalismo aos jovens do Brasil nos currículos escolares.

Houve uma clara intenção, um claro planejamento de extinguir a habilidade cidadã de compreensão política e social e pior, isto partiu do que seria considerada uma esquerda nacional com viés comunista.

A quem interessa tais posturas? Por qual motivo? Isto parece algo que favorece uma democracia? Como podem ser contra o autoritarismo e ao mesmo tempo extinguir disciplinas que nos fazem pensar sobre nossos direitos e deveres sociais?   Pense nisto antes de escolher seu representante nas próximas eleições, busque candidatos e partidos comprometidos com o retorno de disciplinas que formem a liberdade de pensamento cidadão, sem ideologização, discussão ampla e democrática, conhecimento de nossos direitos e deveres, desde o primário até a faculdade, pois precisamos reaprender a sermos cidadãos, mais que um dever, é um direito de cada um de nós.

Votem conscientes e não esqueçam de alternar constantemente o poder, pelo bem da democracia.  Do mesmo modo, promoveremos exemplos com nossa conduta, bons exemplos, exemplos com base no mérito de valor, dai o motivo que muitos políticos condenam o mérito, a meritocracia, pois esta postura qualificaria nossa cidadania. Entendam o porquê de cada ação política e aprenderão a se respeitar cada vez mais e melhor.

Façam a sua parte, façam os que querem implantar o regime totalitário e comunista no Brasil tremerem, lutem por seus direitos, lutem pelo ensino de qualidade, lutem pelo retorno das disciplinas de cidadania nas escolas e faculdade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *